Pages Menu
TwitterFacebook
Categories Menu

Posted by on set 18, 2012 in Psicologia | 0 comments

Prova de Especialista em Psicologia

INSCRIÇÕES

de 13 de setembro

a 25 de outubro

INSCRIÇÕES PELA QUADRIX

 

O Conselho Federal de Psicologia realizará o VII Concurso de Provas e Títulos de Especialista em Psicologia. Psicologia Clínica, do Esporte, do Trânsito, Escolar/Educacional, Jurídica, Organizacional e do Trabalho, Psicomotricidade, Psicopedagogia, Psicologia Social e Neuropsicologia.

 

As provas serão aplicadas nas cidades:

Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Fortaleza (CE), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Salvador (BA), Vitória (ES), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Natal (RN).

AA

O Título Profissional de Especialista em Psicologia é concedido pelo Conselho Federal de Psicologia, com o objetivo de atestar a especialização profissional do psicólogo. Considerando que a natureza do título é oriunda do reconhecimento do exercício profissional, validamos o tempo de atuação das pessoas que já possuem experiência na área, pois atribuímos maior valor à pontuação para cada ano de exercício, bem como para a pontuação dos diversos títulos.Todas as normas e procedimentos referentes ao Título Profissional de Especialista estão estabelecidos na Resolução CFP nº 013/2007, disponível nos siteswww.cfp.org.br www.abepsi.org.br.

De 13 de setembro a 25 de outubro pela internet e presencial durante a 2ª Mostra.

 

Facebook Twitter Email
Read More

Posted by on ago 20, 2012 in Avaliação Educacional | 0 comments

Doutores em Xeque

A exemplo da prova da OAB, projeto no Senado cria um teste para médicos

Correio Braziliense

Publicação: 20/08/2012 09:16 Atualização:

Condicionar o exercício de uma determinada profissão à aprovação em exames aplicados por entidades de classe tem sido uma discussão recorrente no Congresso Nacional com enfoques divergentes. De um lado, um grupo de parlamentares tenta extinguir a prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), aplicada há 18 anos, e de outro, há a tentativa de criar um exame semelhante para regular a entrada de formados em Medicina no mercado de trabalho. O debate também divide as categorias e os especialistas.

A proposta para a implantação do Exame Nacional de Proficiência em medicina como requisito para o exercício da profissão foi apresentada na semana passada pelo deputado federal Onofre Santo Agostini (PSD-SC), mas outra matéria semelhante está parada no Senado desde 2004, quando chegou à Comissão de Educação. “Os médicos tratam da vida das pessoas, por isso é preciso exigir mais deles, muitos saem desabilitados para cumprir o ofício”, justifica o deputado Agostini. A medida não é consenso na categoria. O Conselho Federal de Medicina não tem uma posição única sobre o tema, mas há unidades em alguns estados que até fazem campanha a favor do exame obrigatório.

Facebook Twitter Email
Read More
Social links powered by Ecreative Internet Marketing